Transporte de Animais

Atualmente o número de pessoas que possuem animais de estimação inseparáveis aumentou muito, é um fenômeno que chega gerar explicações de sociólogos,  psicólogos e outros analistas do comportamento humano. Assim também o número de pessoas que viaja e leva consigo seus pets também é cada vez maior. Assim chegando as férias, quem está pensando em turismo com as crianças e ainda levar junto seu animal de estimação deve prestar atenção em algumas providencias que devem ser tomadas com antecedência e também algumas dicas para seu animalzinho não se estresse demais com a viajem.

Transporte de Animais

Transporte de Animais

O transporte de animais no âmbito do turismo doméstico e no turismo receptivo, ou seja, dentro do território nacional, tanto rodoviário ou aéreo tem regras estabelecidas em legislação própria que exige entre outras coisas a GTA – Guia de Transporte Animal do animal e comprovante de vacinação.

Bolsa

Bolsa

Emissão da GTA

O animal deve ser examinado por um veterinário que vai emitir um atestado de sanidade animal, que tem validade de 3 dias. De posse do atestado o proprietário deve se dirigir até a Inspetoria Veterinária do seu município ou posto de Defesa Sanitária do Ministério da Agricultura, apresentando o atestado para emissão da GTA que tem validade de 8 dias. Em alguns estados os próprios médicos veterinários podem emitir a GTA. Para emissão do GTA o proprietário deverá apresentar ainda o comprovante da vacinação do seu animal. A vacinação anti-rábica é obrigatória em animais maiores de 3 meses, e deve ser aplicada no mínimo 20 dias antes da viagem e no máximo 1 ano. No comprovante de vacinação é necessário que contenha a etiqueta da vacina com o lote, laboratório responsável e tipo.

Caixa

Caixa

Transporte internacional de animais

No transporte de animais em viagens internacionais como para Costa Rica entre outros lugares exige a apresentação do CZI-Certificado Zoo-Sanitário Internacional, ao invés do GTA, que neste caso é obtido junto aos postos do Ministério da Agricultura. O proprietário do animal deve apresentar o atestado de sanidade emitido pelo veterinário (validade de 3 dias) e também o atestado de vacinação contendo as especificações já descritas e então será despachada uma CZI que tem validade de 10 dias, portanto se você não viajar nos 10 dias seguintes a emissão do documento terá que fazer todos os procedimentos novamente.

Condições de transporte

Para saber as condições de transporte você terá que se informar diretamente com a empresa transportadora, seja aérea, rodoviária e até marítima. Os animais domésticos de pequeno porte  (cães e gatos), normalmente é permitido que sejam levados dentro da cabine, desde que não causem incomodo ou desconforto aos outros passageiros.

Cães adestrados para condução de deficientes auditivos ou visuais, poderão viajar junto com estes na cabine, sem a necessidade de pagamento extra ou franquia, este é um dos direitos do passageiro garantido por lei.

Para quem vai viajar para o exterior é sempre importante consultar o agente de viagem com antecedência sobre o transporte de animais, até porque em alguns países há legislações diversas do uso comum, como o Japão que exige que se peça uma autorização para o departamento de quarentena do país com 40 dias de antecedência. Assim se você pretende levar seus animais nas férias, planeje sua viagem com antecedência e se informe sobre a legislação do lugar onde você vai, inclusive dos lugares onde você vai ficar como hotéis, resorts, etc., porque alguns não permitem a estadia de animais.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Serviços

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Pingback: Direitos dos Passageiros - Transporte Aéreo | Turismo

  • Voces fazem transporte de animais?Tenho uma cadela de 17 kilos e preciso de manda-la para Goiania-Go

    sihone 20 de novembro de 2009 16:01
  • Olá Sihone,

    Não transportamos animais.

    Att.

    clara 23 de novembro de 2009 8:32

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *