Principado de Mônaco

O principado com seus 1,95 km de extensão é o segundo menos país da Europa, perdendo apenas para o Vaticano. Situado na Riviera Francesa, Mônaco faz fronteira com a própria França e com o Mar Mediterrâneo, num dos mais belos pontos turísticos do litoral da França.
O principado, que é dividido em quatro partes, é mundialmente conhecido como um dos principais pontos de diversão e lazer da Europa.

Monaco

Como é a divisão do país

Fica da seguinte forma: a mais importante das partes é a cidade velha ou Monaco Ville, onde ficam o Palácio Real e o prédio do governo; La condamine fica aos pés da cidade velha, é a parte mais tranqüila, com o porto e as casas residenciais; Fontvielle é o subúrbio industrial do principado e, a parte mais bonite e famosa é a cidade de Monte Carlo, com freqüência de artistas, playboys e gente famosa passeando em seus famosos e luxuosos hotéis e cassinos.

Monaco Ville

Pontos chave do principado

Conhecido por ser um lugar recheado de celebridades e de muitos ricos famosos para evasão de impostos, o comércio monegasco é composto apenas das lojas de luxo, que comercializam produtos das marcas mais elegantes do mundo, e ao contrário do que muitos pensam, o preço é bem parecido com o comércio de outros grandes centros europeus, como Milão, Madri ou Londres.
Para quem está indo prá lá, é indispensável alugar um carro, pois sua geografia à beira do Mediterrâneo torna mais fácil o acesso a todos os pontos turísticos através do automóvel. Sempre há um trânsito intenso, mas nada que vá lhe tirar o humor ou que seja sequer parecido com os congestionamentos aqui do Brasil

Ruas

Gastronomia

Fortemente influenciada pela culinária francesa, a cozinha monegasca para o turista também oferece todas as delícias da culinária ocidental, sempre puxando um pouco para o francês, onde podem saborear pratos como o Stocafi, que é um peixe preparado no vinho, com azeitonas pretas conhaque e cebola. A especialidade e prato predileto dos monegascos é o Barbagiuan, que nada mais é que um empanado frito de calabaz, arroz, ovo e queijo.

Não deixe de visitar

O principado em si, de preferência, fazendo uma longa caminhada pela “le roche” ou “a rocha” em Monaco Ville. Lá terá a sensação de estar na idade média como nos contos de filmes que assistimos. São minúscula ruelas com casa seculares que até hoje ainda estão de pé.
No Palácio real poderá ver a troca da guarda, que acontece pontualmente todo dia às cinco para o meio dia. Outra boa pedida é visitar o Museu des Souvenirs Napoleónien, que, como o próprio nome denuncia, fará você viajar no tempo e observar pertences pessoais de Napoleão.
A Catedral é outro ponto imperdível, de arquitetura belíssima, foi constituída em 1875 no local onde havia uma antiga Igreja do século 13. É uma obra de estilo bizantino, e abriga as obras de príncipes de Mônaco. Aproveitando, visite a igreja na hora que estiver com fome, pois os principais restaurantes estão situados nesta região.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Europa

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Gostei do q acabei de ler sobre Monaco.

    Zilma mendes da rocha 19 de Maio de 2011 0:57

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *