Cachoeira da Leia em Uberaba

Todos adoram viajar e conhecer novos lugares, alguns lugares com suas belezas naturais e exuberantes, outros locais com sua elegância e modernidade que agradam devido ao elevado conforto que oferecem. Hoje vamos falar de uma paisagem natural, para quem adora curtir cidades que oferecem cachoeiras e aventuras com seus rios e trilhas, vamos falar da cachoeira da  Leia que fica em Uberaba!

Uberaba é uma cidade que se localiza no interior de Minas Gerais, fica na famosa região do triângulo mineiro. A cidade possui um população de quase 350 mil habitantes. É uma cidade bastante conhecida por estudantes de vestibulares, pois a cidade comporta uma importante universidade que oferece diversos cursos excelentes, a Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM).

A cidade de Uberaba, assim como grande parte das cidades do interior de Minas Gerais oferta um turismo ecológico por possuir uma beleza natural extraordinária, um desses locais de beleza natural é a cachoeira de Léia. A apreciação do local encanta a qualquer pessoa, o local é tomado pelo verde das árvores e pela quantidade de água que cai através de duas paredes de pedras, por onde caem as águas em grande volume.

É possível chegar a cachoeira através de carros, caminhada ou ciclismo. Muitos se aventuram em um cicloturismo para chegar até a cachoeira. Em alguns pontos do percurso é necessário atravessar partes rasas do rio para poder se  chegar até  a cachoeira, mas essa travessia com a bicicleta sendo puxada nas mãos não é nada trabalhoso e desconfortável, sendo um nível fácil a moderado de dificuldade. No percurso para a cachoeira a pessoa irá percorrer pontos onde a estrada é asfaltada e depois alguns pontos de estrada de terra. Até certo ponto irá conseguir ir de carro ou montado em sua bicicleta. Depois deverá ser percorrida uma trilha até chegar na cachoeira  da Léia, onde poderá se observar as quedas de água que deslumbram qualquer visitante do local.

Como é possível observar através de fotos da cachoeira de Leia, o local é muito bonito e tranquilo, onde é possível entrar no rio para se banhar. Há pontos do rio mais perigosos e alguns pontos onde é possível se banhar sem risco e perigo algum.

Importante lembrar para praticantes de ecoturismo e pessoas que estão ingressando agora no ecoturismo que os locais que nos agraciam com suas belezas naturais precisam ser preservados e essa preservação depende de cada um de nós, cada um de seus visitantes. Há regras básicas que todos devem cumprir, por mais que não tenha nenhuma pessoa para vigiar e comprar essas regras básicas. Portanto, vamos lembrar de algumas regras básicas para praticantes do ecoturismo: preservar o local onde irá visitar, sempre levar uma sacolinha para descartar o lixo, se verificar lixo deixado por outras pessoas no local não custa nada você ajudar na preservação do ambiente e retirar aquele lixo juntamente com o seu. Se atentar para retirar garrafa de água, plástico, papel, restos de alimento e outros resíduos seus do local antes de deixa-lo ao final de seu passeio!

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Natureza

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *